Suplementos | David Nogueira

O mercado de nutrição esportiva e suplementação alimentar teve um verdadeiro boom nos últimos cinco anos. Muita gente começou a entender que isso era uma das chaves para o sucesso de uma rotina fitness. O que muitos não sabem, porém, é que o uso errado da suplementação leva ao sério risco de sobrecarregar seu organismo de nutrientes que o corpo simplesmente não terá capacidade de absorver.

suplemento-alimentar

Vamos começar pelo básico da suplementação: a famosa whey protein. Esse suplemento é indispensável dentro de uma boa dieta para praticantes de musculação. Das várias versões que podemos encontrar no mercado a isolada é a que tem o melhor custo benefício, pois possui baixos teores de carboidratos e uma absorção mais rápida. É importante ficar atento aos teores de sódio que não devem ultrapassar 100mg por dose. Uma curiosidade é que os teores de proteína, carboidrato, sódio e até o número de porções de um pote de whey protein mudam de acordo com o sabor de produto. É muito importante ficar atento aos rótulos!

Suplementos

Um outro suplemento importante é o Waizy Maize. Diferente das mais conhecidas Maltodextrina e Dextrose, esse é um carboidrato limpo, ou seja, com baixo índice glicêmico e indicado para perda ou manutenção de peso. Ele serve para dar energia antes do treino e também deve ser ingerido em conjunto com a proteína pós-treino. Não podemos esquecer também do BCCA, os aminoácidos de cadeia ramificada, que servem para construção e manutenção muscular. Importante para quem treina pesado e quer manter o máximo de massa magra possível.

creatina-1

Esses são os três pilares de uma boa suplementação alimentar que irá potencializar os resultados dos seus treinos. Eu, particularmente, também acho importante um polivitaminico para garantir que o corpo não enfraqueça diante do esforço de sua rotina de treinos e também um ômega 3, que previne colesterol, inflamações, dentre outros benefícios.
Por fim, faço uso de pré-treinos que me dão maior “gás” na hora dos treinamentos mais intensivos. É comum ouvir falar que após um período de uso o pré-treino não faz mais efeito. Recomendo trocar de marca e problema resolvido! Existem excelentes marcas no mercado com composições diferentes que irão lhe ajudar na hora do cansaço ou da preguiça de ir treinar.

Agora, tudo isso deverá ser feito com uma orientação de um médico e/ou um nutricionista esportivo. É indispensável o acompanhamento de um profissional. Na próxima coluna vou falar sobre reeducação alimentar .

Vamo nessa e #stay fit!!!

@davidlnogueira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s